Atualidade

Estudo português quer determinar efeitos adversos da COVID-19 em grávidas e recém-nascidos

04 maio 2020

Uma equipa de investigadores do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto (ISPUP) vão determinar os “efeitos adversos” da COVID-19 em grávidas e recém-nascidos em, pelo menos, 23 unidades de Obstetrícia e Neonatologia de hospitais públicos nacionais, a partir de maio.

Newsletter

Agenda

Agenda News Farma

PUB

 

Apoio

MSD